Brasil

Com chuva, principais reservatórios registram alta; Cantareira atinge 7,3%

sistema-cantareira-fev-2014-sabesp

Neste domingo (15), os principais reservatórios de São Paulo continuam a registrar aumentos de pelo menos 0,2 ponto percentual cada, em relação ao dia anterior, segundo dados da Sabesp. O sistema Cantareira, que abastece 6,2 milhões de pessoas na Grande São Paulo, opera com 7,3% de sua capacidade, após o nível subir 0,2 ponto percentual de um dia para o outro. Neste sábado (14), foi a primeira vez desde 5 de janeiro que o manancial registrou o índice de 7%. Desde então, o nível do reservatório vem subindo de forma consecutiva, como reflexo das fortes chuvas do início de fevereiro.

DEMAIS RESERVATÓRIOS

O nível dos mananciais do Alto Tietê, Guarapiranga, Alto Cotia, Rio Grande e Rio Claro também subiu. O primeiro, que abastece 4,5 milhões de pessoas na região leste da capital paulista e Grande São Paulo, passou de 13,7% para 14,1%. Já o nível do reservatório da represa de Guarapiranga, que fornece água para 5,2 milhões de pessoas nas zonas sul e sudeste da capital paulista, opera com 55,2% de sua capacidade, quando registrava 55,0% um dia antes. O nível do reservatório Alto de Cotia, que fornece água para 400 mil pessoas, registrou 34,4% de sua capacidade, com um aumento de 0,2 ponto percentual em relação ao dia anterior. O sistema Rio Grande, que atende a 1,5 milhão de pessoas, atingiu 80,7% de sua capacidade, enquanto o índice anterior era de 80,2%. O reservatório de Rio Claro, que atende a 1,5 milhão de pessoas, opera com 32,1% de sua capacidade após subir 0,2 ponto percentual. A medição da Sabesp é feita diariamente e compreende um período de 24 horas: das 7h às 7h.

Folha press

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.