Brasil

Corpo de Ana Clara Benevides, fã morta após show de Taylor Swift foi sepultado hoje (21)

Estadão

O corpo de Ana Clara Benevides, que morreu após passar mal no primeiro show da cantora Taylor Swift no Brasil, foi sepultado nesta terça-feira, 21. Ela teve uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. Exames feitos pelo IML apontaram que Ana Clara teve hemorragia pulmonar. A cerimônia, que teve início às 9h, ocorreu no Cemitério Municipal Parque dos Ipês, na cidade de Pedro Gomes, em Mato Grosso do Sul.

A prefeitura Municipal de Pedro Gomes divulgou as informações sobre o velório, que iniciou às 6h, e prestou condolências à família de Ana pelas redes sociais. “Neste momento de infinita tristeza, levamos nossos mais sinceros sentimentos de pêsames e consternação ao nosso colaborador Weiny Machado e a mãe, Adriana Benevides, além de todos os familiares e amigos”, escreveu no Instagram.

Estadão tentou contato com a Prefeitura Municipal de Pedro Gomes para saber mais sobre as homenagens que amigos e familiares prestariam para Ana Clara durante o velório, mas não teve resposta até o momento desta publicação. O espaço segue aberto.

Fãs da cantora norte-americana se organizaram para homenagear Ana Clara Benevides no show de segunda-feira, 20, no Rio de Janeiro. Na pausa que Taylor costuma fazer após tocar a música Champagne Problems, os fãs subiriam uma placa dizendo que “sempre lembrariam” da jovem de 23 anos. No entanto, segundo relato de fãs nas redes sociais, a artista não fez esse intervalo entre uma canção e outra e, por isso, não teria sido possível realizar o tributo.

Entenda o caso

Com um público de cerca de 60 mil pessoas, o primeiro show da turnê The Eras Tour, da cantora Taylor Swift, no Brasil ficou marcado por uma tragédia na noite de sexta-feira, 17. Ana Clara Benevides, de 23 anos, era fã da artista e morreu após o show no Estádio Nilton Santos, o Engenhão, no Rio.

A T4F, responsável pela organização do show no País, lamentou a morte e disse ter oferecido suporte à jovem. Segundo a nota da empresa, ela foi “prontamente atendida pela equipe de brigadistas e paramédicos, sendo encaminhada ao posto médico” do estádio. Em seguida, a jovem foi levada ao Hospital Salgado Filho, onde morreu depois de quase uma hora de atendimento.

No entanto, em entrevista ao Fantástico, da Rede Globo, a mãe da jovem, Adriana Benevides, revelou que as equipes da T4F e de Taylor não entraram em contato para prestar suporte à família Ela estava com dificuldade para transladar o corpo da filha de volta para Mato Grosso do Sul, onde a jovem nasceu.

A Tickets For Fun, por meio de comunicado, relatou ter entrado em contato com a família de Ana Clara e reafirma estar disponível para prestar toda a assistência necessária.

Nosso Dia

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.