Mundo

Hackers usam recurso de ligações do WhatsApp para ataques

whatsapp020152-kUoB-U10897550978l6C-1024x644@GP-WebQuem ainda não baixou o recurso de ligações por WhatsApp deve prestar atenção: pesquisadores do Kaspersky Lab, companhia russa de segurança em computação, detectaram várias ações mal intencionadas que se utilizam da novidade em ataques cibernéticos.

Até o momento, de acordo com os pesquisadores, tais ataques distribuem links suspeitos de instalação de programas móveis para a plataforma Android, em um esquema chamado “pay-per-install” (“pagamento por instalação”, em português).

Essas mensagens chegam ao usuário por meio de algum contato conhecido e convidam as “vítimas” do golpe a entrar em sites específicos onde supostamente é possível ativar o recurso de ligações gratuitas.

Depois, o usuário é instruído a mandar essa mensagem para mais dez contatos para que seu serviço seja ativado. Só assim uma página irá se abrir, apresentando vários apps “duvidosos” que podem ser baixados os pesquisadores ressaltam que o formato e conteúdo dessa página variam de acordo com a localização dos usuários.

Essa não é a primeira vez que se descobre tentativas de ataques na rede através do recurso. Um mês atrás, alguns usuários receberam mensagens que prometiam desbloquear a nova função de ligações gratuitas, mas na realidade, acabava sendo um golpe para mostrar anúncios e encher os contatos de spam.

Para conseguir ativar o recurso, que está disponível apenas para usuários de Android, basta pedir a algum amigo que já tenha o recurso para te ligar. Dessa forma ele será ativado em seu smartphone.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.