Brasil

‘Navio mais bonito do mundo’ chega ao Brasil pelo Porto de Mucuripe em Fortaleza

Folhapress

O veleiro Amerigo Vespucci, da Marinha da Itália, abrirá as portas para visitação gratuita do público nos portos de Fortaleza e do Rio de Janeiro. Considerado o navio mais bonito do mundo, ele chegou no Brasil na quarta-feira (4) para divulgar a cultura e as tradições marítimas italianas.

A embarcação atracou no Píer 106 do Porto de Mucuripe, na capital cearense, onde ficará até 8 de outubro. Depois, o navio parte para sua próxima parada, de 20 a 24 de outubro no Rio.

A passagem do veleiro em águas brasileiras faz parte da turnê de volta ao mundo que durará, ao todo, 20 meses. A tripulação partiu do porto de Gênova (na Itália), em 1º de julho deste ano. Até fevereiro de 2025, o Vespucci vai passar por cinco continentes, três oceanos, 28 países e 31 portos.

Durante a visitação guiada, o público poderá conhecer todas as curiosidades e funcionalidades do navio de mais de 100 metros de comprimento, 21 de largura e 28 de altura. Usado como navio-escola desde 6 de junho de 1931, é a unidade mais longeva a serviço da Marinha Militar italiana.

“Ao desafio da viagem se soma a oportunidade de trazer um pedaço da Itália (…) da arte à tecnologia de ponta, dos produtos locais à culinária, à cultura, com tudo o que o ‘made in Italy’ representa e que faz da ‘italianidade’ uma marca única, apreciada em todo o mundo”, diz o capitão Giuseppe Lai, comandante do Amerigo Vespucci.

Em Fortaleza, o navio ficará ancorado no Píer 106 do Porto de Mucuripe e será aberto ao público, no dia 7, das 10h30 às 17h. “Esta iniciativa representa mais um testemunho da relevância do intercâmbio cultural, tecnológico e científico entre Itália e Brasil”, disse o embaixador da Itália no Brasil, Francesco Azzarello.

‘Embaixada flutuante’ da Itália

Com o lema “Não quem começa, mas quem persevera”, o navio Amerigo Vespucci fica alocado no porto La Spezia, na região italiana de Ligúria. Todos os anos, o veleiro realiza atividades de formação de alunos da Academia Naval e do Colégio Naval italiano.

De 1931 a 2022, a embarcação fez 86 campanhas de instrução a alunos da Academia Naval. Essas ações acontecem no verão, geralmente em portos estrangeiros, e têm duração média de três meses.

Durante as viagens, são ensinadas aos alunos a bordo as regras básicas da vida no mar, englobando conhecimentos de marinharia, condução da unidade, operação do motor e equipamentos auxiliares, além da gestão de questões logísticas, administrativas e sanitárias. Também são organizadas conferências e aulas ministradas pelos tripulantes e pesquisadores locais.

A tripulação do Vespucci é composta por 264 militares, sendo 15 oficiais, 30 suboficiais, 34 sargentos e 185 cabos e marinheiros.

Banda B

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.