Paraná

Passageiros da RMC não precisam mais carregar mínimo de 10 passagens para obter cartão

Após protesto de usuários e também reclamações formais do Procon, a Metrocard, associação que representa as empresas operadoras do transporte público na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), informou nesta quarta-feira (14) que vai suspender a cobrança mínima de dez passagens para emitir o cartão de ônibus. A medida passa a valer a partir desta quinta-feira (15).

Muitos passageiros reclamaram da exigência de gastar no mínimo R$ 33,00, o equivalente a 10 passagens, para obter o cartão-transporte. O caso chegou ao Procon que considerou a exigência abusiva e questionou a cobrança, que começou a valer no início deste mês.

Ao ser notificada, a Comec,  órgão do governo estadual responsável pela gerência do transporte coletivo metropolitano, informou que já havia solicitado a Metrocard que suspendesse a exigência. Assim a partir de hoje, o usuário pode comprar apenas uma passagem, gastando R$ 3,30, para adquirir o cartão que vale para as viagens na região metropolitana de Curitiba.

 

BandaB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.