Brasil

Pizza com dois sabores não pode ser cobrada pelo valor da mais cara, diz Procon

Do Portal Extra

 

 

Os restaurantes não podem cobrar o valor da pizza mais cara, em caso de a massa ter sabores com preços diferentes, segundo o Procon Fortaleza. Segundo o órgão, essa interpretação do Código de Defesa do Consumidor é válida em todo o país.

procon

(Foto: Portal Extra)

No Ceará, os agentes fizeram uma fiscalização em pizzarias da capital após consumidores denunciarem que os estabelecimentos cobram o valor total de uma pizza mais cara, quando os clientes pedem uma massa dividida em sabores diferentes.

O órgão recebe denúncias, e afirma que consumidores podem procurar o Procon de sua cidade, em todo o país, para denunciarem situações parecidas.

De acordo com a orientação dada pelo Procon Fortaleza, supondo que a pizza de frango custa R$ 20 e a pizza de camarão, R$ 30, o cliente que pedir meio a meio deveria pagar R$ 25, sendo R$ 10 da metade de frango e R$ 15, referente à de camarão.

Para ler a matéria completa no Portal Extra clique aqui.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.