Redação

Polícia Civil de Araucária prende pedófilo que divulgava, no WhatsApp, vídeos de sexo com crianças entre nove e 11 anos

A Polícia Civil de Araucária prendeu, na tarde deste sábado (18), Eduardo Carvalho Schuley Guedesum, carioca, 25 anos, por divulgar vídeos pornográficos envolvendo crianças de 09, 10 e 11 anos de idade.

Eduardo iniciava sua conduta criminosa procurando garotas de programa na internet, iniciando uma negociação sexual. Durante a conversa com as acompanhantes, ele perguntava para as mulheres se elas aceitavam fazer sexo com ele e com crianças.

As acompanhantes discordavam e uma delas procurou a guarda municipal, que prendeu Eduardo em flagrante, enviando os vídeos, em um motel, no último domingo (12). Após ser libertado pelo Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, a Delegacia de Araucária deu continuidade às investigações contra Eduardo, sendo que outras 03 acompanhantes compareceram à delegacia para denunciar Eduardo, mostrando conversas onde haviam vídeos pornográficos envolvendo crianças entre 09 e 11 anos.

Após as provas, o Delegado Tiago Wladyka representou pela prisão do pedófilo, sendo decretada pelo Juiz Criminal de Araucária, com parecer favorável do Ministério Público. Com o mandado de prisão e busca e apreensão em mãos, o delegado e os investigadores prenderam Eduardo na tarde deste sábado, apreendendo também celulares e notebooks, no intuito de identificara as crianças e apurar novos crimes dele envolvendo crianças e adolescentes.

Segundo o Delegado Wladyka o crime de pedofilia é um criminoso de alta periculosidade.“Nós, da DP Araucária, não vemos pedofilia como modo de vida. Vemos essa conduta execrável como crime. O pedófilo é criminoso e será investigado e preso como um criminoso de alta periculosidade, caçaremos esses canalhas que assolam a ingenuidade de nossas crianças”, diz.

O indivíduo foi preso e encaminhado para Cadeia Pública de Araucária, onde permanecerá à disposição da justiça. A Polícia Civil ainda ouvirá outras pessoas, testemunhas da pedofilia de Eduardo e encaminhará o inquérito policial ao Promotor de Justiça de Araucária, para iniciar o processo criminal.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduada pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.