Paraná

Preços de chocolates de Páscoa têm diferença de até 70,5%

noticia_760417_img1_pascoa2Uma pesquisa de preços do Procon-PR mostrou que os preços de produtos de Páscoa (ovos de chocolate, coelhos e caixas de bombons) apresentaram variação de até 70,5%. A diferença de valores foi constatada em um mesmo item comercializado em diversos estabelecimentos.

É o caso da Bombom Sonho de Valsa (lata com 236g), da Lacta, a venda por preços que variam entre R$ 9,88 a R$ 16,85. Outra diferença significativa está no Ovo Garoto ao Leite (45g), com preços entre R$ 4,98 e R$ 8,09, ou seja, 62,45% de variação. A menor diferença com – de 0,60%, foi do Pacote Ovinhos da Lacta (180g), com valores entre R$ 14,99 e R$ 14,90.

“Como existe grande diferença nos preços, é importante que o consumidor faça uma pesquisa prévia,” destaca a diretora do Procon-PR, Claudia Silvano. Ela lembra que além de supermercados, lojas e similares há também fabricantes que possuem lojas próprias. “A pesquisa vale como instrumento de apoio na hora da compra, pois fornece uma lista da variedade e dos preços praticados no mercado.”

O levantamento de preços do Procon-PR foi feito entre 16 e 19 de março, abrangendo 236 itens, em 11 estabelecimentos comerciais, em vários bairros de Curitiba.

A pesquisa de preços pode ser acessada na internet, no endereço, www.procon.pr.gov.br, no link “pesquisas”. Os preços pesquisados podem sofrer alteração.

RECOMENDAÇÕES – Além do preço, a orientação do Procon-PR é que seja verificada a veracidade das ofertas e promoções. “Devem ser conferidas as informações que constam em materiais de divulgação como folhetos, anúncios ou qualquer outra forma de publicidade. Toda ou qualquer informação incorreta ou falsa é considerada propaganda enganosa, conforme determina o Código de Defesa do Consumidor”, explica Claudia Silvano.

A qualidade também não pode ser esquecida. O consumidor precisa ficar atento às especificações contidas nas embalagens dos produtos que devem indicar, entre outros dados, o peso, a validade, a composição e informações sobre o fabricante. No caso de ovos diet e light, a atenção deve ser redobrada quanto à composição e às devidas recomendações de consumo.

As embalagens devem estar em perfeito estado, sem rasgos ou perfurações, e o peso dos ovos, caixas de bombons, coelhos e colombas deve coincidir com o informado na embalagem. A mesma numeração dos ovos de Páscoa de diferentes marcas não indicam, necessariamente, que tenham o mesmo tamanho ou peso.

Alguns cuidados precisam ser tomados ainda com os produtos que oferecem brinquedos ou brindes, principalmente para as crianças pequenas que costumam levá-los à boca. O consumidor deve verificar se a embalagem traz a marca do Inmetro e a faixa etária a que se destinam, além de indicações em língua portuguesa.

Produtos sem especificações e identificação do fabricante não devem ser adquiridos, uma vez que não há como o consumidor garantir seus direitos no caso de ocorrência de qualquer problema.

Os fornecedores de produtos fabricados artesanalmente, além de terem de seguir as mesmas regras de comercialização dos industrializados, também são obrigados a fornecer nota fiscal. Ela é a principal garantia do consumidor em caso de troca ou reclamação.

 

Bem Paraná

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.