Paraná

Professores da rede estadual marcam protesto para quarta-feira

A APP-Sindicato marcou para a próxima quarta-feira (30) um grande protesto dos professores da rede estadual em Curitiba. Neste dia, a rede estadual de ensino deve ficar sem aulas. A  concentração está marcada para 9 horas, na Praça Santos Andrade e  segue até o Centro Cívico, local estratégico que comporta os prédios dos poderes executivo, judiciário e legislativo. O protesto lembra os atos violentos contra professores de 30 de agosto de 1988.

“Nós viemos de violência em violência ao longo do tempo. Dia 30 mostrará mais uma vez a luta do Sindicato para fazer com que o Estado valorize a educação e o serviço público”, diz o presidente da APP-Sindicato, professor Hermes Leão. Na pauta de reivindicações do protesto deste ena, está a  revogação da Resolução 113/357,  imediata redistribuição de aulas; retirada das faltas ilegais das mobilizações; cumprimento da Lei do Piso Nacional; recomposição salarial da data-base; garantia e ampliação das vagas para licenças; abertura de turma para o Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE); contratos PSS; concursos públicos; promoções e progressões de aposentados(as); hora-atividade; contra a militarização e terceirização escolar.
Projetos de Lei (PLs) – A APP está propondo dois Projetos de Lei de iniciativa popular para a anistia das faltas lançadas injustamente e para regulamentar a distribuição de aulas conforme a lei. Os projetos precisam de 79 mil assinaturas e a intenção é protocolar no dia 30 de Agosto, na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep).

 

Bem Paraná – foto: Franklin de Freitas

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.