AraucáriaPolícia

Policiais civis de Araucária são condenados por negociar liberdade com preso

Três policiais civis foram condenados por corrupção pela Justiça Criminal de Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, segundo o Ministério Público do Paraná, autor da denúncia.

De acordo com o MP, eles exigiram R$ 40 mil para colocar um preso investigado por tentativa de homicídio e receptação em liberdade. O pedido de dinheiro foi posteriormente substituído para um carro.

Efetivamente, porém, eles receberam apenas um relógio, enquanto prosseguiam com as tratativas de “acordo” com o detento, conforme as investigações.

Os policiais foram condenados a detenção (uma a cinco anos e quatro meses e os outros dois a cinco anos), perda do cargo público e pagamento de multa. Cabe recurso da decisão e os réus podem recorrer em liberdade.

Um homem que se passava por policial também foi condenado no mesmo processo, por usurpação de função pública.

As investigações fazem parte da Operação NFL, que teve início em 2015 e apura crimes na Delegacia de Araucária. Os fatos que resultaram na condenação, diz o MP, ocorreram entre os meses de abril e junho de 2015.

Veja mais notícias do estado no G1 Paraná.

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.