ParanáPolícia

Homem suspeito de 20 sequestros-relâmpago de mulheres é preso em Curitiba

A Polícia Civil prendeu nesta manhã de segunda-feira, 25, C.R. W., de 40 anos. Ele é suspeito de abordar mulheres com truculência e assaltá-las. Ele foi preso em Santa Catarina, enquanto tentava fugir de uma equipe da Polícia Militar (PM) do estado vizinho em janeiro deste ano, se acidentou e foi parar em uma cadeira de rodas.

Segundo as investigações da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR), ele abordava as vítimas quanto elas entravam ou saiam de seus carros, e as sequestrava com o objetivo de conseguir dinheiro. Muitas das mulheres estavam acompanhadas das suas crianças. “Ele se aproveitava da mulher estar com uma criança pra ameaçar e realizar os sequestros. Chegou a apontar uma arma pra o filho de uma vítima”, afirmou o delegado Marcelo Magalhães, que apura o caso. O suspeito obrigava às vítimas a realizarem saques em agências bancárias. Quando não conseguia, obrigava a vítima a para a casa onde pegava o que conseguia, em um caso, por exemplo, levou R$ 40 mil em joias.Em Curitiba, ele agia principalmente nos bairros Água Verde, Cabral e Juvevê.

Ele é suspeito de ter cometido pelo menos, 20 sequestros relâmpagos com o mesmo objetivo.   Nesta segunda (25), ele foi identificado por dez pessoas em Curitiba, mas a polícia acredita que ele já fez pelo menos 20 vítimas.

O suspeito será indiciado pelo crime de sequestro-relâmpago, que tem pena prevista de 6 a 12 anos.

 

 

Bem Paraná

 

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Ivone Souza - Redação

Ivone Souza é jornalista graduada pelo Centro Universitário Internacional Uninter. Foi repórter e produtora de conteúdos do Portal Mediação, redatora do site Uninter Notícias, escritora e cronista. Curte teatro, uma boa leitura e é apaixonada por viagens e fotografia.

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.