Brasil

Atraso na transferência do veículo não pontuará na Carteira de Habilitação

Atraso na transferência de veículo não pontuará na Carteira de Habilitação. Foto: Divulgação

Os proprietários de carros no Paraná que não comunicarem a transferência do veículo no prazo máximo de 30 dias não perderão mais cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A alteração foi divulgada pelo órgão na quarta-feira (27).

A alteração foi solicitada pelo Departamento de Trânsito do Paraná (Detran), devido ao grande número de autos lavrados pelo descrito no artigo 233 do Código de Trânsito Brasileiro. De janeiro a abril de 2015, foram 51.339 registros por desrespeito ao prazo, a sexta infração mais cometida pelos paranaenses no período.

De acordo com a Resolução 34/2015 do Conselho Estadual de Trânsito (Cetran), esta é uma infração administrativa e não deve pontuar, gerar suspensão ou cassação do direito de dirigir, nem impedir que permissionários conquistem a CNH definitiva.

“Os conselheiros do Cetran Paraná entenderam que, ainda que seja uma infração grave, não é causada pelo motorista na condução do veículo. Não coloca em risco a segurança, o conforto e a fluidez no trânsito”, explica o diretor-geral do Detran, Marcos Traad.

Apesar de não pontuada, a não transferência no prazo de 30 dias é considerada uma infração grave, com multa de R$ 127,69 e possível retenção do veículo para regularização.

Com informações da Agência Estadual de Notícias

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.