Paraná

PRF flagra cinco ultrapassagens proibidas por hora durante o feriado no Paraná; oito mortes

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou 635 motoristas executando manobras de ultrapassagens proibidas durante o feriado prolongado de Nossa Senhora Aparecida no Paraná.

O número equivale a cinco flagrantes por hora, ou um a cada 12 minutos.

Entre quarta-feira (11) e domingo (15), oito pessoas morreram em acidentes nas rodovias federais do estado. Outras 126 ficaram feridas. A PRF atendeu 163 acidentes.

Ao longo dos cinco dias da Operação 12 de Outubro, a PRF abordou 112 motoristas que dirigiam sob o efeito de bebidas alcoólicas no Paraná. E mais de 8,7 mil veículos tiveram imagens de suas placas capturadas por radares portáteis, por transitar acima do limite máximo de velocidade.

Um automóvel foi flagrado a 208 km/h na BR-277 na tarde de sábado (14) em Cascavel, na BR-163. Durante a mesma fiscalização, uma motocicleta passou pelo radar portátil da PRF a 205 km/h. Ambos os proprietários receberão uma multa de R$ 880 e terão ainda a carteira de habilitação suspensa por um período de dois a oito meses.

Em 42 abordagens realizadas durante a operação, os agentes da PRF constataram que crianças eram transportadas sem os equipamentos de retenção adequados –cadeirinha, bebê-conforto ou assento de elevação, conforme a idade.

No total, 311 veículos foram recolhidos, por diversas irregularidades. Dez carros roubados foram recuperados pelos policiais rodoviários federais. No total, 60 pessoas foram presas, por diferentes crimes.

Como o feriado de 12 de Outubro caiu em uma quarta-feira no ano passado, a PRF não divulgou comparativo com 2016.

 

BANDAB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.