Brasil

Com baixa adesão, proposta da separação do Sul vence plebiscito

A participação ficou abaixo do que os organizadores esperavam, mas o plebiscito informal O Sul É o Meu País, realizado neste sábado (7), foi  concluído com vitória maciça da proposta de separação dos Estados do Sul para a criação de um novo país. Com 80,12% das urnas auditadas até as 20h deste domingo (8), 96,1% dos participantes votaram favoravelmente a Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná se separarem do Brasil. Os votos contrários somam 3,9%. A votação aconteceu em 900 cidades dos três Estados do Sul.

Ao todo, votaram 331.378 eleitores, na primeira parcial revelada na madrugada desta segunda-feira (9). Há a possibilidade deste número subir, mas, de qualquer forma, a expectativa dos organizadores erá de que de dois a três milhões de pessoas votassem no plebiscito. No ano passado, o número de eleitores chegou a 616 mil eleitores.

O grupo aproveitou para coletar assinaturas para um projeto de lei de iniciativa popular que propõe uma consulta formal sobre a independência da região Sul, a ser realizada junto com as eleições do ano que vem.

Os organizadores sabem que o plebiscito não tem valor legal, já que a Constituição determina que “a República Federativa do Brasil é formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e Distrito Federal”, e a legislação proíbe qualquer tentativa de separação do território nacional.

 

BANDAB

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.