AraucáriaSaúde

No interior de Araucária, equipes de Saúde vão de casa em casa para vacinação contra a febre amarela

Como o risco de adquirir a febre amarela é maior em áreas de mata, equipes de saúde de Araucária estão indo de casa em casa a fim de vacinar moradores da zona rural que nunca tomaram a vacina. No último sábado (16), a vacinação ocorreu nas regiões do Rio Abaixinho/Fazendinha, Capinzal e Guajuvira. Todas as unidades básicas de saúde de Araucária estão realizando a vacinação de segunda a sexta-feira. As senhas da sala de vacinação estão sendo entregues, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30 nas unidades da área urbana e das 8h30 às 16h na área rural.

De acordo com a equipe de saúde da unidade do Rio Abaixinho/Fazendinha, no último sábado foram aplicadas 168 doses da vacina contra a febre amarela na região. A UBS local também esteve aberta para receber os usuários exclusivamente para a vacinação das 8h, às 16h30. A ação dessa equipe no último sábado foi divulgada em uma reportagem do Jornal da Band que foi ao ar para todo o país (imagem). O vídeo destacou a importância da vacinação nas regiões sul e sudeste do país; Araucária foi a representante da região sul na reportagem (CLIQUE AQUI e confira o vídeo). No Guajuvira/Boa Vista foram 152 doses no sábado. A unidade do Lagoa/Capinzal também realizou vacinação de casa em casa no sábado.

Além da vacinação, os profissionais de saúde estão orientando os moradores para que, caso percebam a ocorrência de macaco morto, comuniquem imediatamente a equipe. Os macacos são muito vulneráveis à febre amarela. A morte de macacos é um sinal de que o vírus da febre amarela pode estar circulando na região. Por isso, é importante o morador comunicar os órgãos de saúde caso encontre o animal morto (Ouvidoria da Saúde 0800-6437744).

Unidades básicas – Araucária não tem casos registrados de febre amarela. E para o município continuar sem casos é que a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) está intensificando a vacinação em todas as unidades básicas de saúde de segunda a sexta-feira. A vacina é destinada a pessoas de 9 meses a 59 anos. Quem já recebeu uma dose da vacina não precisa de outra; já está protegido. No caso de quem não tem como comprovar ter tomado a vacina, a recomendação da Saúde é para que a vacina seja fornecida.

Importante: Pessoas acima de 60 anos, gestantes, mulheres amamentando, pessoas que apresentam reação alérgica grave a ovo e pessoas com HIV/AIDS devem buscar orientação com os profissionais de saúde para avaliar se a vacinação nesses casos é recomendada ou não. Bebês menores de 9 meses, pessoas que passam por quimioterapia ou radioterapia, transplantados são exemplos de algumas das situações em que a vacina não é indicada. Os profissionais de saúde da unidade básica mais próxima podem esclarecer quaisquer dúvidas sobre quem pode ou não ser vacinado. A dose única da vacina contra a febre amarela precisa de 10 dias para o organismo criar os anticorpos e garantir a proteção.

 

Prefeitura de Araucária

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.