ParanáPolícia

Mãe recebe foto de filho morto na RMC e fica em choque: “Rezei pra ser mentira”

A mãe de Ricardo da Silva Rodrigues, 16 anos, soube da morte do filho por meio de uma foto no WhatsApp, na manhã desta terça-feira (19), em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. Fátima Borba da Silva Rodrigues estava em casa e saiu correndo, na tentativa de descobrir se a foto poderia ser mentira. Não era.

O crime aconteceu na rua Ari Antonio Buzzato, Jardim São José, dentro de uma subestação da Sanepar, por volta das 10 horas. “Ele saiu de casa cedo e eu fui lavar a roupa. Eu recebi uma ligação, quando abri meu telefone, vi uma foto que me mandaram dele morto. Eu não sei quem matou, mas quero Justiça. A dor da mãe é algo muito difícil. Na hora eu tomei um choque e vim ver se era verdade”, disse a mãe.

O adolescente foi morto com cerca de três disparos de arma de fogo. A irmã dele também teria recebido a foto de Ricardo morto. Segundo a mãe, o filho era usuário de drogas e já tinha sido apreendido pela Polícia Civil algumas vezes. “Ele estava tendo um tratamento de drogas, estava sendo orientado pelo juiz. Só que não sei o que aconteceu. Ele já foi várias vezes para a delegacia, tudo por causa de droga. Mas, ele estava querendo mudar, tinha voltado a estudar”, completou a mãe.

Ricardo tinha deixado a delegacia do município há poucos dias, no sábado. Segundo a família, ele cometia pequenos delitos para sustentar o vício.

Investigações

A Polícia Civil esteve no local e a família deverá prestar depoimento nos próximos dias. O celular da mãe será periciado para identificar a origem da imagem. O corpo de Ricardo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba. A delegacia no município investiga.

 

 

Banda B

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.