Brasil

Dicas para quem deseja reestilizar sua moto

Conheça algumas dicas para mudar o visual da sua moto e aprimorar seu design

Não basta somente comprar aquela moto dos sonhos. Depois que o veículo já está na garagem é hora de começar a reestilizar e deixar a moto do jeitinho que imaginava. Desde 1920, quando as primeiras motocicletas começaram a ser produzidas e se popularizaram na sociedade, os motociclistas passaram a modificar seus veículos.

Existem oficinas especializadas para transformar as motos de fábrica. Alguns modelos já são preparados para receber as modificações como a Harley-Davidson. Dos clássicos ao vintage, todos os modelos podem ficar com a cara do motociclista.

Cinco estilos de moto que fazem a cabeça dos donos

  • Café Racers

Estilo de moto foi criado entre as décadas de 50 e 60, quando os motociclistas aceleravam pelas estradas e, andando em grupos, eram utilizadas para fazer rachas. Uma das características principais era reduzir o peso da moto para aumentar a velocidade reduzindo o atrito com o ar. Outras características da época era reduzir o banco descartando o passageiro e deixar o guidão com o estilo mais rebaixado. 

  • Bobber

Este estilo de reestilização se popularizou no pós-guerra, quando os motociclistas montavam seus veículos buscando o aumento da velocidade e agilidade para o piloto. Como parte da mudança as motos ficavam “peladas”, sem a carenagem e algumas peças que tinham a função apenas de proteção. As rodas também eram modificadas para ficar com o mesmo tamanho e dar mais estabilidade.

  • Chopper

É mais conhecida como a moto do “Capitão América”. A principal modificação estrutural fica por conta do garfo dianteiro que fica mais alongado e o piloto fica com os braços para cima, numa postura diferenciada para pilotar a motocicleta. Os bancos para piloto e passageiro têm diferença de altura para dar mais conforto e na carenagem do tanque de combustível é customizado de acordo com o desejo do proprietário.

  • Streetfighters

Esse estilo de customização chegou até as oficinas na década de 90 e até hoje está na moda para os pilotos que são amantes da velocidade. A ideia era desmontar quase que todas as peças estruturais as motocicletas esportivas japonesas de velocidade. O que importa nestas motocicletas era o motor potente e a estrutura da carroceria. Hoje em dia alguns modelos com esta customização saem de fábrica com o nome de Naked.

  • Art bikes

São motos com design artísticos, as mais customizadas e estilizadas. Essas motocicletas são verdadeiras esculturas, reestilizadas por completo e montadas de acordo com o gosto do cliente. Normalmente são expostas em museus e feiras de automóveis. Nem sempre são confortáveis e ágeis. Porém, estas motocicletas são montadas de acordo com o gosto do cliente.

Fazendo sua própria reestilização

São vários os modelos que estão à venda nos sites de motos. E depois de escolher a motorização, começa o trabalho mais minucioso para deixar a moto do jeito que mais te agrada.

Mas afinal, você sabe como personalizar sua motocicleta e deixar ela mais estilizada, diferente das outras máquinas do mesmo modelo? Vamos te dar algumas dicas sobre o passo a passo para fazer as modificações na sua motocicleta.

Faça um projeto

Antes de começar as modificações faça um projeto para buscar a aprovação no Detran do seu estado. Outro fator é pensar exatamente o que quer mudar para evitar arrependimentos futuros. Seja algum dos modelos de motos Honda ou as esportivas de alta cilindrada, todas podem ser reestilizadas.

Modificações

Comece pelas modificações simples como trocar as manoplas, modelos de pisca, retrovisores com tamanhos e posições diferentes, comece pelos pequenos detalhes que fazem toda diferença.

Trocas de peças

Um design interessante para deixar estilizada sua motocicleta é alongar a suspensão e deixar a motocicleta ainda mais imponente. Troque o pneu traseiro para aumentar a aderência com o solo e deixar a parte de trás mais alta.

No tanque, adesivar ou trocar as cores pode ser uma boa saída para a nova cara. No escapamento você pode fazer a substituição para modificar o barulho, mas lembre-se, a longo prazo essa mudança pode causar problemas na sua motocicleta.

Cuidados com a lei

Quando você está buscando reestilizar sua moto é importante ficar atento as regras do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN). Ao modificar as características originais da motocicleta é preciso registrar os novos detalhes no Detran da sua cidade.

Se por acaso você fizer alterações de cor, motorização ou detalhes que alterem a originalidade do veículo que dificulte a identificação, isso poderá gerar multas caso não esteja no documento. A infração de trânsito é considerada grave e gera multa de R$ 195,23, além de cinco pontos na carteira. Nem todas as alterações necessitam de uma nova documentação, algumas serão apenas observadas por não alterar as características do veículo.

Levou uma multa?

A reestilização da motocicleta pode gerar multas que não estão previstas originalmente no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), mas que estão ligadas as alterações do veículo.

Nesta premissa, é possível entrar com recurso para tentar reverter a penalização que não foi corretamente realizada. Os recursos são realizados na autoridade de trânsito da sua cidade através da defesa prévia da autuação de trânsito.

Um exemplo comum deste tipo de notificação que é passível de recurso é a troca de escapamento original para o esportivo, para acentuar o ruído. Por lei, esta não é uma troca que deve estar contida na documentação do veículo.

Customizar a motocicleta é quase uma ação que tem início, mas não tem fim. Sempre novas peças podem ser substituídas, novas cores, adesivos e peças mais esportivas podem ser instaladas. Os custos para realizar esta personalização podem variar de acordo com as vontades do piloto.

De trocas simples de manoplas até remodelar a carroceria da motocicleta, tudo é possível desde que previamente planejado para não acontecer erros ao longo do processo.

Gostou deste artigo com algumas dicas para reestilizar sua motocicleta? Então que tal compartilhar com os seus amigos através das suas redes sociais para que todos saibam como modificar a motocicleta? Afinal, os amantes da motocicleta sempre buscam novidades e trocas para deixar suas máquinas cada vez mais personalizadas.

 

Ana Beatriz Dias Pinto – Jornalista

 

Receba notícias no seu WhatsApp.

Leitores que se cadastrarem no serviço serão incluídos em uma lista de transmissão diária, recebendo no celular as principais notícias do dia.

Aécio Novitski

Idealizador do Site Araucária no Ar, Jornalista (MTB 0009108-PR), Repórter Cinematográfico e Fotógrafico licenciado pelo Sindijor e Fenaj sobre o número 009108 TRT-PR

Leia também

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Notamos que você possui um
ad-blocker ativo!

Produzir um conteúdo de qualidade exige recursos.
A publicidade é uma fonte importante de financiamento do nosso conteúdo.
Para continuar navegando, por favor desabilite seu bloqueador de anúncios.